Escrito por

SOMOS CHUVA DE VERÃO por Cecília Santiago

​ Cecília Santiago, Artigo| Vistas: 255

Somos chuva de verão.

 

Muitos vêem a vida como um fardo, imposto a nós sem nenhuma explicação plausível, outros a vêem como uma dádiva, um presente divino.  Mas, no que todos concordam é que ela é passageira e caminhamos dia após dia para seu ponto final.

Posso dizer que somos feito chuva de verão, chegamos de surpresa e vamos embora sem dar aviso prévio. Uma certeza incontestável é que chegada a hora a morte se faz presente e por mais que quisermos prolongar nossa vida, está é uma vontade em vão.

A existência de cada um de nós é breve, como nossa presença na vida de muitas pessoas também o é.

Não nascemos de uma embalagem que vem com data de validade, sabemos apenas o dia em que inspiramos e expiramos o ar do mundo pela primeira vez. Todo o restante é mistério que vamos desvendando à medida que vamos crescendo.

Não temos data de validade, não portamos paraquedas, não trazemos conosco um escudo que sempre irá nos proteger, então enquanto estivermos respirando, estaremos abertos a possibilidades.

Possibilidades infinitas de sermos e não sermos um amontoado de coisas.

Um sopro! É o que somos.

E por não termos controle sobre o que pode acontecer no próximo minuto de vida, ficamos a mercê do que pode acontecer de acordo com algumas escolhas que fazemos.

Viver é uma incógnita, tentamos traçar um caminho, seguir uma rota, mas no fundo sabemos que a qualquer momento, querendo ou não, podemos desviar do caminho.

Ainda não há meio de se verificar como estaremos no futuro, e talvez esta seja a graça em existir. Estamos atuando no palco do universo, mas sem roteiro, sem prévia das próximas cenas.

E o que podemos fazer é continuar atuando. Pois, podemos ser chuva, mas sempre seremos chuva de verão, leve e breve.

Uma resposta para " SOMOS CHUVA DE VERÃO por Cecília Santiago "

  1. GABRIELLA IBRAIM disse:

    UM ARRASO ESSA MUIE!! TO ENCANTADA!!!

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *